Massala (fragmentos)

Baixar obra na íntegra - MassalaOs falas: eu sou trezentos e trezentas, confusos, na felinidade da tarde, na dança com cronópios, no xadrez de estrelas que vejo na minha mesa sem corvos, álgido no vento sul, na febre a bom bordo. São esses mares de textura afável, líquida, me acendendo o desejo de tudo, na esquina da noite. É esse cálice, antes de partir, que borbulha a chama pontiaguda da espera, à beira do fogo, na iminência. São tantos os pêlos que é preciso fender apelos e abrir o tempo. Assim as falas se erguem. Assim a ereção se distrai no contratempo do dia, na reversão dos nomes, da mescla. Assim o que enrijece afaga, o que é tênue espeta, o que é sólido se esvai: as dobraduras, fora do dentro, nas curvas da estrada antes das curvas, depois: a paixão segundo R. T.